terça-feira, 15 de junho de 2010

Anjo do dia 16/06


HEKAMIAH

O Anjo: Este anjo protege as pessoas que ocupam posições de comando. Ajuda a combater os tratantes, obter vitória e libertar os oprimidos. Interfere na coragem e fidelidade.

Influência: Quem nasce sob esta influência, tem uma aura natural de paz. Sua sinceridade é refletida através da nobreza e autoridade da sua personalidade e prestígio. Fiel a seu juramento, tem caráter franco, leal e bravo, suscetível às questões de honra. É extremamente preocupado com sua família e seus filhos terão sempre prioridade, mesmo que o casamento tenha acabado. Querido por todos será sempre respeitado pela sensibilidade que possui. Viverá cada minuto de sua vida com muita ternura, amor, esperança e desejará para todos uma existência tão digna quanto a sua. Gostará de estar sempre mudando tudo, desde a posição dos móveis, restauração e pintura de sua casa, até a aparência física com a qual tem muito cuidado e atenção. Muito sensual, apreciará guardar imagens dos seus amores, como exteriorização dos sentimentos do passado.

Profissionalmente: Poderá fazer sucesso trabalhando no legislativo, corte suprema, justiça ou por sua grande facilidade em falar diferentes idiomas, em atividades ligadas à cultura. Poderá exercer ainda profissões relativas a finanças, mercado financeiro, jornalismo, relações públicas, comunicações ou aquelas ligadas à arte, beleza e estética.

Anjo Contrário: Domina as traições, a infidelidade, a sedução e a rebelião. A pessoa sob a influência deste anjo contrário, poderá obter dinheiro ilegal, como em compra e venda de carros roubados, usar a força física para se fazer entender e difundir drogas perigosas. Poderá fazer uso de cartas anônimas e envolver-se em tramas na vida familiar. Hipnotizador, "médium consciente", poderá usar práticas orientais para arruinar o que as pessoas consideram santo ou religioso.

Categoria: Querubins
Príncipe: Raziel
Protege os dias: 04/04 - 16/06 - 28/08 - 09/11 - 21/01
Número de sorte: 7
Mês de mudança: julho
Carta do tarô: O carro
Está presente na Terra: de 5:00 às 5:20 da manhã
Salmo: 87


SALMO 87

Este salmo ajuda: · protege as pessoas que ocupam posições de comando; · confere a prosperidade das empresas; · é usado para combater os tratantes; · é usado para apaziguar a discórdia entre patrão e empregado; · confere força e fidelidade à libertação dos oprimidos; · desmascara quem trama contra a família; · descobre o autor de cartas anônimas; · acaba com a compulsão dos viciados; · dá proteção às pessoas que exercem atividades ligadas à imprensa e à literatura; · liberta da depressão e do pânico e fortalece contra o desleixo do corpo; · fortalece quem tem complexo de perseguição e melancolia; · fortalece quem tem tendência a isolar-se do convívio social; · dá vigor e saúde para os que estão se recuperando de uma cirurgia.

SÚPLICA NA AFLIÇÃO

Salmo dos filhos de Coré. De Heman Ezrahita 1. Senhor, meu Deus, eu peço enquanto é dia, pois à noite só lamento.

2. Chegue ao Pai minha oração. Ouça meu clamor.

3. Minha alma está triste e o fim de minha missão se aproxima.

4. Já faço parte das pessoas que não acreditam mais na salvação. Sou um homem sem forças!

5. Permaneço o maior tempo no meu leito, as pessoas nem lembram que existo. O Senhor não se lembra mais de mim?

6. Sinto-me só, em plena escuridão.

7. Não permita, Oh, Deus, Sua indignação.

8. Os meus conhecidos já não me procuram, parece que me tornei um ermitão. Sinto-me preso e não acho saída!

9. Meus olhos não vêem fartura como antes. Ao Senhor clamo todo dia, para que Deus estenda Suas mãos.

10. Será que desta forma enaltecerei Suas maravilhas?

11. O Senhor porventura acredita que proclamarei minha lealdade ao Pai, assim como estou?

12. Sentindo-me assim, como posso louvá-Lo? Será que para onde irei, neste estado, os homens saberão de Seus feitos?

13. Eu clamo ao Senhor, para que faça subir minha prece quando o sol aparece.

14. Por que o Senhor não mostra Sua face, que é Divina?

15. Sei que sou pobre e passo por dificuldades desde minha infância. Enfraqueci algumas vezes com provocações, pelas quais o Senhor me fez passar.

16. Parece que o Senhor não me considerou como filho.

17. A cada instante sinto que estou cercado.

18. O Senhor afastou meus amigos. Agora, meus companheiros são a meditação e a esperança de que o Senhor não me desampare jamais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, o publicarei e o respoderei.
Volte para saber a resposta beijos!