quinta-feira, 10 de junho de 2010

Anjo do dia 11/06


LAOVIAH


O Anjo: Este anjo é invocado contra as fraudes e para obter a vitória. Influencia os grandes personagens que marcaram a história e ajuda o homem a obter graças pelo seu talento natural. A ajuda deste anjo será fornecida através das experiências de vida.

Influência: Quem nasce sob esta proteção, poderá descobrir muitas coisas que usará de forma prática no dia-a-dia. Será célebre por seus atos, melhorando sua personalidade a cada nova experiência vivida. Terá por todos com os quais se relacionar, sentimentos fortes e duradouros, pois tem uma intensa capacidade para amar. Será uma pessoa de sucesso e terá estabilidade financeira. Apaixonado por filosofia, compreenderá facilmente o mundo dos elementais. Enfrentará grandes desafios, tanto na vida sentimental quanto na vida profissional.

Profissionalmente: Fará sucesso em qualquer atividade, pois com sua coragem, nenhum obstáculo será suficientemente grande para detê-lo. Terá tendência para ser uma estrela no mundo político e na vida social. Poderá atuar como jornalista ou tornar-se um romancista célebre. Como hobby poderá dedicar-se à arte, à moda, à decoração e ao artesanato.

Anjo Contrário: Domina a indelicadeza, a ambição, a precipitação e o ciúme. A pessoa dominada por este anjo contrário, não saberá respeitar a vitória dos outros, podendo usar a calúnia para eliminar seus concorrentes. Poderá agir superficialmente e procurar amizades somente por interesses financeiros. Terá um exagerado amor por si mesmo, com forte tendência ao narcisismo.

Categoria: Querubins
Príncipe: Raziel
Protege os dias: 30/03 - 11/06 - 23/08 - 04/11 - 16/01
Número de sorte: 7
Mês de mudança: julho
Carta do tarô: O carro
Está presente na Terra: de 3:20 às 3:40 da manhã
Salmo: 17

SALMO 17
Este salmo ajuda:

· a vitória contra fraudes e calúnias;
· os relacionamentos afetivos;
· a inspiração, criatividade, despojamento e humildade;
· a conscientização de que a força de vontade e a boa vibração de pensamentos são essenciais para se alcançar a felicidade.
AÇÃO DE GRAÇAS DO REI DAVI POR SUA SALVAÇÃO E VITÓRIA
Davi disse ao Senhor as palavras deste cântico, quando o Senhor o livrou do poder de todos os inimigos

1. Senhor, meu Deus, minha força,
quanto O amo!
2. Senhor, minha fortaleza,
meu libertador,
meu escudo.
meu Deus,
poder de minha salvação.

3. Eu hei de
vencer!

4. Ao estar a um
passo do desencarne,
tive medo,

5. sentindo-me acorrentado pela sensação da morte.

6. Atribulado,
invoquei o Senhor,
e para Deus
lancei meu clamor.
De Seu templo
o Senhor ouviu minha voz,
e aos Seus ouvidos chegaram
meus clamores.

7. A terra se abalou,
estremeceu.
As bases da montanha
se agitaram.
Deus quer justiça!

8. Saiu muita fumaça,
um fogo abrasador e
carvões ardentes.

9. O céu se abriu,
e desceu,
de sob Seus pés,
uma nuvem escura.

10. Um querubim voava
e pairava nas asas dos ventos.

11. O céu escuro mostrou
que as nuvens estavam carregadas.

12. Deus quer justiça!
Os carvões estão inflamados pelas
chamas!

13. E dos céus
trovejou o Senhor.
Todos ouviram
a voz do Altíssimo.

14. Os raios que o Senhor lançava
multiplicaram-se
como setas.

15. Ficou à mostra
o fundo do oceano;
os pólos do universo, descobertos.
Só com a vontade da justiça do Senhor,
tudo aconteceu tão rápido
como um sopro de vento.

16. Do alto
o Senhor estendeu Sua mão,
segurou-me
e arrancou-me das águas.

17. Livrou-me,
como sempre fez
em todas as vezes
que me senti desprotegido.

18. Passei por maus dias,
mas o Senhor
foi minha salvação.

19. Salvou-me e
me conduziu a um espaçoso campo.
Só Deus
quer meu bem,
porque me tem amor.

20. O Senhor me recompensou
segundo minha justiça.
Retribuiu-me segundo a
pureza de minhas mãos,

21. porque sempre guardei
Seus mandamentos.
Nunca me afastei da
verdade do Senhor.

22. Todos Seus mandamentos
tive à frente de meus olhos.
Nunca deixei de lado

23. Seus preceitos.
Tratei-os com integridade,
e de toda maldade
me guardei.

24. O Senhor me deu
uma justa recompensa,
à vista da pureza
de minhas mãos.

25. O piedoso,
com piedade, o Senhor protege.

26. O sincero,
com sinceridade, o Senhor protege.

27. Salva a nação humilde
e esquece os orgulhosos.

28. Senhor,
luz de minha lâmpada,
ilumina, meu Deus,
os meus caminhos.

29. Pelo Senhor
enfrento batalhões armados,
e por meu Deus
escalo todas as muralhas.

30. Os caminhos
de Deus são perfeitos.
Podem ser estreitos para alguns,
mas os que por eles caminham
chegam ao Senhor,
escudo para quem O busca.

31. Pois quem é tão
forte além do Senhor?
E quem é tão firme
quanto um rochedo,
além do Senhor?

32. Deus
revestiu-me de força,
e fez perfeitos
meus caminhos.

33. E aos meus pés
deu a agilidade
da corça,
e em um lugar alto e seguro
alcanço a paz.

34. Ele me fez capaz
de mudar meu caminho.
Minhas mãos e braços
são fortes para vergar
um arco de bronze.

35. O Senhor me deu
o escudo
que me protege e me engrandece
com Seu amor.

36. Agora
meus passos
são mais firmes
e meus pés não escorregam jamais.

37. Superei todos meus obstáculos
e não voltei
antes de vencê-los.

38. Dominei minhas fraquezas
e fui elevado.
Todos meus medos
caíram por terra.

39. O Senhor
me deu segurança
e todos os obstáculos
desapareceram.

40. Os maus pensamentos e os invejosos
se dispersaram.

41. Clamaram...
O meu Senhor
não quis ouvir.

42. E, como pó,
pelos ventos
foram levados.

43. Os inimigos internos e externos
foram vencidos, e
o Senhor me fez
chefe das nações.
Porém eu não conhecia o povo.

44. Ao primeiro sinal,
os estrangeiros
prestaram obediência,
mesmo contra sua vontade.
Coagidos,
tiveram que se declarar sujeitos.

45. Todas as pessoas
saíram de suas casas.

46. Viva o Senhor!
Bendita seja minha fé!
Louvado seja Deus,
meu Salvador!

47. Deus,
que me permitiu vencer,
dispôs os povos sob
minha liderança.

48. O Senhor livrou-me
dos maus
e ensinou-me como me impor frente a
meus adversários.
Afastou-me das mãos
dos homens de violência.

49. E por tudo isto,
Senhor,
celebrarei com devoção
entre as nações.
E entoarei um hino a
Seu santo nome.

50. O Senhor, que deu todas
as vitórias ao rei,
usou de misericórdia para com
Seu ungido Davi e
sua descendência,
eternamente,
por séculos e séculos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, o publicarei e o respoderei.
Volte para saber a resposta beijos!